domingo, 5 de julho de 2009


-Você me desculpa por estar tão ausente na sua vida? É que as coisas vão acontecendo ao mesmo tempo e não tenho conseguido me reorganizar direito. Penso muito em você, em nós.Tenho sonhado tanto com tua presença, com o nosso ser sendo o mesmo.
-Eu sei, compreendo tudo. Só que me chateia essas tuas ausências. Esse teu não existir. Tem vezes que preciso tanto de você, dos teus conselhos, da tua voz, do teu toque e quando olho para o lado, não te vejo. Aliás nem se eu olhasse para trás lhe veria, porque você não andou só ausente neste momento, mas em vários, desde o princípio. Me permita ficar chateada, apesar de enteder teus motivos, não posso fugir ou regrar meus sentimentos. Simplesmente te quero e isso é um fato tão angustiante para mim. Tem dias que não consigo fazer nada, só ficar lhe esperando aparecer e adivinhe? Não aparece e me entristeço ainda mais, sabe por quê? Porque percebi o quão dependente do teu amor me tornei. Te amo, é inevitável isso.
-Me amar é tão ruim assim?
-Não. Preste atenção, te amar me deixa tão bem, que só revelo meus segredos a você e isso me alivia tanto. Mas se não lhe encontro, como conversar, como amar, fico sem você e cheia de mim.
-Me desculpe, novamente, por ser tão ausente.
-Entenda, não me importo mais, já me acostumei tanto com o não te ter, que toda vez que você diz que não vem me ver...Bom, acostumei, igual ao caso da Anita, lembra? Ela conheceu o Antônio por cartas, ele sempre prometia visitá-la e ela sempre ansiava por vê-lo. Mas ele nunca veio e sempre tinha uma ótima desculpa. Ela já tinha se acostumado com o não vir e achava normal não vê-lo, achava normal as desculpas...
-Sinto muito por tudo isso.
-...
-Por favor, me desculpe de verdade.
-...

O silêncio pode ser a resposta mais angustiante.


Camila Meneghetti

3 comentários:

Anônimo disse...

"Si un jour "je perds la tête", je n'hésiterai pas à frapper à votre porte. Il vous reste très important pour moi."

(by google tradutor, rsrs)


;)

Anônimo disse...

http://www.avkarate.com.br/campeonatos/copa%20alto%20vale%202004/copa_alto_vale_2004.html


pS: Primeirona hein. acho que nem você sabia que existia essa foto Cami, rsrsrs ;) desenterrei =)

Patricia disse...

Lindo esse texto! Seu blog é muito legal! sempre que da eu leio! *-*