terça-feira, 8 de julho de 2008


Não sei mais se quero você e isso não importa muito, porque é algo que vivo sozinha. E foi ao mesmo tempo estranho e merecido, bem aquele papo de que o mundo dá voltas. Girei sozinha. Quis muito te ver dias seguidos, quando fiquei mal, feliz, solitária, tinha tanta coisa para falar. Mas agora...Não sei mais, confusa, egocêntrica e passa, como passou. Só que eu não sei, não sei mais se suas palavras me ferem, se seu olhar me prende, não sei. Porque você deixou de ser real pra ser um personagem, sabe, o encanto acabou. Porque eu cansei, porque não existe, não faz falta. Acho que é isso, não preciso mais.

Camila Meneghetti

Um comentário:

Fernando disse...

Perdeu, playboy.