segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Ninguém nos pertence, salvo na memória.

John Updike

2 comentários:

Fezzoka Gomes disse...

Ei, que pena eu ter aprendido isso tão tarde! :(

Line disse...

sim, na memória é o único lugar que o 'pra sempre' existe...